Image Map

sábado, 15 de julho de 2017

VERÃO NO JAPÃO - DICAS DE PRODUTOS PARA DRIBLAR O CALOR



Olá pessoal,

*post com muitas fotos

O verão já chegou por aqui. Ainda estamos em julho e hoje aqui em Yokohama os termômetros já marcam 33 graus. Agosto é considerado o pior mês, pois as temperaturas registram 38 graus nas regiões de Tokyo (em outras regiões ultrapassam essa marca) e a sensação térmica pode ultrapassar os 40 graus. Muitas pessoas irão dizer “ah, mas no Brasil também faz essas temperaturas”, eu sei, mas acontece que o calor é diferente. É abafado, não tem vento, a umidade do ar faz as pessoas suarem loucamente parecendo que acabaram de sair do banho, o sol de fritar ovo no asfalto. Pode ser que seja parecido ao calor do Mato Grosso (me perdoem nunca estive lá para comparar), mas pra mim, que sou de São Paulo é terrível. Para quem me acompanha há algum tempo, sabe, DETESTO o verão daqui. Mas fazer o que ... só me resta contar os dias até o final dele. Sorte que dura bem pouco, cerca de dois meses. 

Em agosto, depois de enfrentarmos vários dias quentes, o corpo já dá sinais de exaustão. Uma palavra que ouvimos muito nos noticiários nessa época do ano é a expressão “natsubate (夏バテ)” causado pelo frequente choque térmico entre a temperatura quente dos lugares externos com o ambiente gelado que faz dentro das lojas, restaurantes, meios de transporte devido ao ar condicionado. Cansaço, dor de cabeça, falta de apetite, indisposição, dificuldade de raciocínio e concentração, diarréia, prisão de ventre, tontura e febre são apenas alguns dos sintomas. 

Protetor solar - diversas opções

Somado a tudo isso ainda temos o suor excessivo que faz com que diminua os líquidos e sais minerais no corpo, fazendo com que você sinta muita sede. Após alguns dias de altas temperaturas parece que a água já não é suficiente, pois o corpo está desidratado. Por isso, é essencial o consumo de bebidas ionizadas como Aquarius ou Poccari. 



Como o suor fica depositado na pele, as pessoas começam a se coçar e surgem vários hematomas vermelhos pelo corpo. Eu e meu marido já passamos por isso, e sem saber o que era fomos ao médico. Por isso é ideal, nunca coçar e sempre lavar com água e sabão. Caso esteja em um ambiente que não seja possível lavar, se limpe com lenços umidecidos.


Embalagem fofa não?

Essa linha Ban é a minha preferida. Dá um frescor na pele e o cheiro que fica no corpo parece que acabou de sair do banho


E por último, uma outra palavra que ouvimos bastante é “necchuushou, 熱中症”, ou seja, hipertermia que ocorre quando há uma exposição em ambiente de alta temperatura e o corpo não consegue promover a perda de calor ou reduzir a produção de calor. Infelizmente muitas pessoas, inclusive idosos, acabam morrendo.


Adesivos para diminuir a temperatura do corpo


Diante de todos esse problemas, as lojas ficam abarrotadas de produtos para tentar amenizar o calor excessivo. Essa é uma dica muito importante principalmente para turistas que pretendam vir nessa época do ano. (Dica extra para os turistas tragam desodorantes, porque os daqui não são bons e o cheiro de "CC" é inevitável.) 


Nessa época os produtos já ficam expostos logo na entrada das lojas


 
Spray para refrescar a roupa

Travesseiro gelado

Shampoo refrescante   






 
Toalha para refrescar a cabeça

Ande sempre com chapéu, sombrinha (aqui tem umas especiais que protegem dos UVA/UVB), leque e carregue sempre consigo balas de sal. Agora, muitos produtos são acrescidos de uma maior quantidade de sal para essa época do ano, voce conseguira identificá-los pelo kanji de sal >>> (しお).

Espero que essas dicas o ajude, mas mesmo assim, faça um seguro viagem caso alguma urgência aconteça (espero que não). Ah ...  não se esqueça, você pode economizar no seguro viagem comprando conosco. Clique aqui e escolha a opção que mais se encaixa no seu tipo de viagem. 

Abraços,
Thais Fioruci



>
.
.
.
.

Referências:
http://www.alternativa.co.jp/Servico/View/30012/Como-evitar-doencas-do-verao-japones




Nenhum comentário:

Postar um comentário